“Por Castro” vai promover a abertura de uma agência do Banco de Tempo

05/03/2009 at 05:06 1 comentário

banco-de-tempo1 Nos dias que correm, assiste-se a uma degradação profunda do arquétipo de felicidade assente no paradigma da fortuna material. Aliás, a crise que ensombra as economias de quase todo o mundo, demonstra bem que o materialismo que norteava o sonho dos povos é uma mera fábrica de ilusões.

Urge, por conseguinte, valorizar outros aspectos da vida, tais como a saúde física e mental, o equilíbrio emocional, os afectos e o espírito solidário que são, cada vez mais, a ponte entre o nosso bem estar individual e o desejável decréscimo das desigualdades e das injustiças sociais.

banco-de-tempoAssim, por todo o planeta, surgem ideias e projectos, como contracorrente, conducentes a um estabelecimento de redes de entreajuda , revitalizando práticas sociais há muito perdidas.

Neste contexto, foi criado o BANCO DE TEMPO, uma infra-estrutura de apoio social baseada na gestão do tempo para troca de serviços, um banco em tudo igual aos outros, com agências , horário, cheques, depósitos, só com a particularidade de que aqui, a moeda de troca é a hora e não o euro.

Com um Banco Central, coordenado pela Associação Graal , que é a entidade integradora e impulsionadora, este projecto conta já com um grande número de Agências em funcionamento em todo o país.

Resumidamente, este projecto pretende construir uma cultura de solidariedade e promover o sentido de comunidade, proporcionar o encontro de pessoas, a colaboração entre gerações e a construção de relações sociais mais humanas.

Em termos práticos, o BANCO DE TEMPO propõe que cada inscrito “ deposite na sua conta” horas de trabalho numa qualquer área que domine, podendo, depois, “ fazer levantamentos” de horas de auxílio gratuito, em serviços de que precise, sendo este processo mediado pela Agência.

Concretizando, uma pessoa que tenha algum tempo , pode fazer, por exemplo, o acompanhamento de crianças ou idosos e receber em troca, aulas de inglês, um serviço de carpintaria ou de jardinagem.

Acreditamos nas pessoas, por isso “POR CASTRO” pretende fomentar o espírito do voluntariado e da solidariedade, enquanto instrumentos de construção de uma sociedade socialmente mais justa.

Entry filed under: Lista de Apoio. Tags: .

“Por Castro” com a Coophecave Plano Estratégico para o Desenvolvimento Sustentável do Concelho

1 Comentário

  • 1. Helena  |  05/03/2009 às 14:53

    Que fantástico! Estou maravilhada com a iniciativa da abertura do Banco de Tempo … aliás essa é uma ideia que eu tenho para desenvolver no meu bairro… quando o meu actual empregador me “libertar” :-)
    Boa sorte e … bons resultados!


Calendário

Março 2009
M T W T F S S
« Fev   Abr »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Most Recent Posts


%d bloggers like this: